km 1581

A Albânia certamente surpreende aqueles que pensam que a Europa é exclusivamente um continente de países ricos, bem organizados, com poucos problemas sociais e bons planejamentos urbanos. Quem chega de carro (como nós chegamos), percebe que as diferenças deste país já começam na fronteira: uma fiscalização detalhada do carro, documentos, malas e planos de viagens só confirma que os problemas por tráfico de drogas, contrabando e carros roubados no país é grande. Depois de organizar a bagunça e fazer mágica para que tudo volte a caber no porta malas, finalmente tivemos nossos passaportes carimbados para seguir viagem pelo país.

Muitas vezes faltam estradas asfaltadas, sinais de trânsito, placas indicando a direção e nomes de lugares. Em troca, podemos admirar uma paisagem primitiva, rural e muito bonita – campos, montanhas, algum lago lá no meio da paisagem e muitos animais soltos por aí fizeram parte do muito que vimos pelas diferentes regiões do país. Pouco a pouco, alguma cidade ou vilarejo ia aparecendo. Há crianças saindo correndo da escola para ir tomar um lanche na lojinha do outro lado da rua. Senhores de idade andando calmamente pela estrada guiando animais. Mulheres usando um lenço na cabeça e carregando plantas, sempre em grande quantidade. Jovens caminhando lado a lado e às vezes parando para colher frutas em alguma árvore pelo caminho. Observando assim de fora, nem parece que vivemos na mesma época que eles.

Albânia - uma cena comum por lá

Quando entrávamos em alguma cidade, vimos homens tomando chá pelas calçadas, feiras de frutas e, em geral, um povo muito amável e receptivo, que sorria e acenava em nossa direção e assim nos convidavam para entrar  cada vez mais nessa cultura que, apesar de tudo, é marcada por muita simplicidade.

É isso. Se antes eu disse que faltava alguma coisa no país, peço que me desculpem pelo engano. Lá tem simplicidade, e isso era mesmo tudo o que eu precisava.

Estrada na Albânia

Paisagem na Albânia

Estrada na Albânia

Anúncios

6 comentários sobre “km 1581

  1. É interessante o que vc fala no inicio do post, eu mesma até bem pouco tempo nem imaginava que certos países faziam parte da Europa, mesmo que tenha estudado isso na escola, quando falam Europa, só imaginamos, Inglaterra, Alemanha, Suíça, França…
    Muito linda essa constatação de que o simples é o que precisamos. Parabéns pelo post.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s