Um ensinamento de Kuala Lumpur

Aqui você pode comer com hashi, garfo ou colher. Pode visitar uma mesquita, uma igreja ou um templo hindu. Pode falar, inglês, chinês ou malaio. Pode querer fazer compras e passar o dia em um dos inúmeros (e enormes) shoppings da cidade, ou pode passear pelas feiras e mercados de rua – que ficam abertos durante o dia e também durante a noite. Pode comer comida chinesa, malaia ou indiana… e se tiver em dúvida de qual escolher, não tem problema: você também pode escolher uma que seja uma combinação das outras duas.
Sentir-se bem em Kuala Lumpur é fácil, principalmente quando todos parecem capazes de entender que apesar de todas as diferenças, todo mundo é igual.

Mais textos sobre a Malásia aqui!

Anúncios

2 comentários sobre “Um ensinamento de Kuala Lumpur

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s