10 coisas que eu não sabia sobre o Japão (e só descobri depois que fui)

1. Não tem sushi em “todos” os lugares.

É lógico que eu sabia que a culinária Japonesa tem uma variedade enorme de pratos, mas dada a popularidade do sushi no mundo todo, imaginei que encontraria com mais facilidade por lá.

Okonomiyaki: um prato novo pra mim, mas muito fácil de ser achado.
Okonomiyaki: um prato novo pra mim, mas muito fácil de ser achado.

2. Quase ninguém fala inglês.

Esse fato foi uma surpresa. Por alguma razão, eu imaginei que boa parte das pessoas no Japão falassem inglês, mas não foi bem isso que aconteceu. Raramente encontrei alguém que falasse inglês, seja nos restaurantes, nas lojas, na rua e até no próprio hotel.

Esperando o trem e torcendo para que fosse o trem certo... ainda bem que era!
Esperando o trem e torcendo para que fosse o trem certo… ainda bem que era!

3. Apesar disso (leia o número 2), todos me ajudaram quando precisei. Sem exceções.

A barreira de idiomas nunca é um obstáculo quando existe a intenção de ajudar. No Japão, tive a prova disso: graças à boa vontade, educação e simpatia dos japoneses, me perder algumas vezes pelo caminho nunca foi um problema.

Para ajudar, "vitrine" de  restaurantes, ideia genial e que não permite que ninguém passe fome caso não fale japonês! rs
Para ajudar, “vitrines” de restaurantes, ideia genial e que não permite que ninguém passe fome caso não fale japonês! rs

4. Usar o banheiro no Japão muitas vezes exige um pouco de conhecimento.

Lá, ir ao banheiro não é necessariamente tão simples como em outros lugares. As privadas eletrônicas possuem dezenas de funções, e sempre havia um adesivo na parede com as instruções de uso. Aqui vai um guia:

Guia para iniciantes
Guia para iniciantes, tem até música!

5. Tem muitas máquinas de bebidas nas ruas.

Milhares. Várias a cada esquina. Por todos os lugares. Eu nunca tinha visto tantas máquinas juntas e tanta variedade de bebidas (às vezes vendem também lanches e sorvetes!).

6. Nem sempre é possível pagar com cartão de crédito/ débito.

Aliás, grande parte dos lugares onde fui só aceitavam pagamentos em dinheiro. Isso inclui lojas de roupas, souvenirs, restaurantes e até um hotel.

É bom sempre levar uns Yens na carteira!
É bom sempre levar uns Yens na carteira!

7. Encontrar produtos do Estúdio Ghibli não foi tão fácil assim.

Eu sou fascinada pelas criações do Estúdio Ghibli e estava super animada para comprar várias coisas. Infelizmente (ou felizmente rs),  não encontrei muitos produtos.

Totoro: um amor eterno.
Totoro: um caso de amor eterno.

8. As máscaras faciais usadas podem ter mais de um significado…

Segundo a minha amiga japonesa, as pessoas normalmente usam estas máscaras por dois motivos: ou estão doentes/ não querem ficar doentes (a maioria dos casos), ou então porque não tiveram tempo de passar maquiagem. Por essa eu não esperava.

Para quem não quer ficar doente. Ou está sem tempo para passar maquiagem. :D
Para quem não quer ficar doente. Ou está sem tempo para passar maquiagem. 😀

9. Os restaurantes japoneses são um caso a parte.

Às vezes há uma máquina na frente do restaurante para fazer o pedido antes de entrar, às vezes é preciso tirar os sapatos, às vezes há um tempo máximo que você pode ficar dentro do restaurante, quase sempre há lenços para limpar as mãos (mas nunca tem guardanapos de papel), muitas vezes há chá verde frio gratuito e (felizmente) quase sempre há uma vitrine com os pratos expostos.

Às vezes também tem esses guardanapos com desenho de rosto... para que ninguém veja você mastigando :D
Às vezes também tem esses guardanapos com desenho de rosto… para que ninguém veja você mastigando 😀

10. Karaokês.

Normalmente parecem um prédio de hotel, você aluga uma sala privada por um tempo determinado e geralmente tem bebidas incluídas no preço. Karaokês são quase uma parada obrigatória para quem vai de viagem à Ásia.

Saudades Karaokês de Osaka! =D
Saudades Karaokês de Osaka! =D

 

Mais posts sobre o Japão, esse país incrível: clique aqui!

Anúncios

15 comentários sobre “10 coisas que eu não sabia sobre o Japão (e só descobri depois que fui)

  1. Tou p lá ir. Sabia da maioria q escreveu, mas não acreditava. Agora acredito e tou cheia de medo.kkkkkkk
    Quanto ao sushi, eu soube q é melhor esperar p fim da tarde, pois precisam vender, então fazem desconto de até 50%.
    E q tb anda-se muito!
    Obg!
    [ ] do Miau do Leão

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s