Aproveitando a natureza na República Tcheca

Quem visita a República Tcheca fica impressionado com a quantidade de cidades históricas que existem no país. São inúmeros lugares onde podemos visitar monumentos históricos, prédios antigos, museus, castelos e até cidades medievais que parecem ter parado no tempo. Por outro lado, há também diversos parques nacionais e naturais no país, ainda pouco explorados pelo turismo mas onde é possível ter uma experiência bem diferente e tranquila aproveitando a natureza tcheca e passando um tempo longe da rotina das cidades.

A República Tcheca é um país pequeno e apenas 1,5% do seu território é ocupado pelos parques nacionais – não é muito, mas é o suficiente para oferecer lugares de extrema beleza e natureza pura, onde é possível praticar diversos esportes ao ar livre ou apenas fazer um passeio ao ar livre.

Há quatro parques nacionais no país e cada um deles está localizado em regiões diferentes. Dois deles estão ao norte do país (Parque Nacional da Boêmia Suíça e Parque Nacional Krkonoše) e dois estão ao sul (Parque Nacional Podyjí e Parque Nacional Šumava).

IMAG9690
Uma das trilhas do Parque Nacional da Boêmia Suíça.

Parque Nacional da Boêmia Suíça 

O norte da República Tcheca é conhecido por ter formações rochosas muito interessantes e uma área florestal bem preservada. É lá onde está localizado o Parque Nacional da Boêmia Suíça, que ocupa cerca de 80 quilômetros quadrados e só virou parque nacional no ano 2000. Por estar ao lado da fronteira com a Alemanha, podemos ver uma arquitetura muito diferente nas cidades que ficam próximas ao parque e uma grande influência do país vizinho. Os lugares mais conhecidos para começar a conhecer o parque são Hřensko, Jetřichovice ou Kyjov. Os passeios podem ser feitos a pé e em alguns lugares também é possível pegar um barco. O símbolo desse parque é a Pravčická brána – uma formação rochosa natural em formato de arco, a maior da Europa continental. É o local mais popular do parque e também o mais visitado pelos turistas. O Parque Nacional da Boêmia Suiça está localizado ao norte da República Tcheca, aproximadamente 130 quilômetros de Praga e tem regras específicas e limitadas quanto aos esportes que podem ser praticados no local, por isso é recomendável buscar informações antes de ir e saber o que é permitido ou não na época da visita.

2017-05-31-06.49.12-1-696x522
Pravčická brána

Parque Nacional Krkonoše 

O Parque Nacional de Krkonoše foi fundado em 1963 e reconhecido como parque nacional no mesmo ano, o que faz dele o mais antigo da República Tcheca. As montanhas de Krkonoše são as mais altas do país e é lá também onde faz mais frio, por isso é o parque mais popular no inverno entre os tchecos. Com vários hoteis e resorts, é o lugar perfeito para passar as férias de inverno esquiando ou praticando outros esportes na neve – a temporada dura de novembro até o final de abril e é um lugar muito conhecido e visitado nessa época. No entanto, durante os outros meses do ano, este parque também é muito popular entre as pessoas que gostam de escalar montanhas ou fazer trilhas de bicicleta. São mais de 800 quilômetros de trilha marcada, então é preciso de tempo e de bastante disposição física para conhecer tudo!  O parque fica a aproximadamente 150 quilômetros de Praga.

Parque Nacional Šumava  

O Parque Nacional Šumava é o maior parque da República Tcheca, ocupando uma área de aproximadamente 680 quilômetros quadrados. Os melhores lugares para começar a conhecer o parque são Prášily, Železná Ruda, Srní e Jelení. Há montanhas, lago, área florestal e muitas trilhas. Este parque é também muito popular no inverno para atividades na neve. Já no verão, é possível fazer passeios de barco pelos rios Vltava, Otava e Vydra ou fazer caminhadas pelas longas trilhas do parque. É um parque protegido pela UNESCO e considerado parque nacional desde o ano de 1991. Está localizado a aproximadamente 170 quilômetros de Praga.

Parque Nacional Podyjí 

O Parque Nacional Podyjí é o menor dos quatro parques nacionais na República Tcheca e o mais distante de Praga (aproximadamente 200 quilômetros da cidade), mas possui uma flora muito variada e diferente dos outros parques e espécies únicas de animais. Além disso, é rodeado por cidades históricas muito bonitas e importantes no país que também são conhecidas pela produção local de vinho tcheco. É o parque ideal para fazer caminhadas ou andar de bicicleta – há aproximadamente 76 quilômetros de trilha marcada pelo parque e as vistas são impressionantes por todos os lugares!

Esse texto foi originalmente publicado no blog Brasileiras pelo Mundo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s