O que esperar se você é mulher e viaja sozinha

Ser mulher e viajar sozinha ainda é algo que, infelizmente, poucas de nós podemos fazer. Seja pelo medo (que é totalmente justificável), pela cultura na qual fomos criadas, pela pressão social e pelas nossas condições; a verdade é que isso ainda não é algo bem visto por todos. Há sim grandes diferenças entre ser mulher e viajar sozinha ou viajar acompanhada. Entender estas diferenças e saber o que esperar sobre ser mulher e viajar sozinha é essencial para a viagem, tanto para a nossa própria segurança quanto para auxiliar o entendimento das outras pessoas.

Processed with VSCO with c1 preset

NEM TODO MUNDO VAI ENTENDER
O fato de uma mulher viajar sozinha ainda causa muito estranhamento nas pessoas no geral. Os questionamentos começam sempre dentro da nossa própria família e entre os nossos amigos, muitos deles inconformados com esta decisão e insistindo se estamos realmente bem e se pensamos como realmente vai ser estar sozinha em um lugar desconhecido. Estes questionamentos duram a viagem inteira: quase sempre é preciso se explicar para a polícia na imigração, para o atendente de algum restaurante quando você pede uma mesa para uma pessoa, para o recepcionista do hotel, para alguém que você acaba encontrando no caminho e por aí vai. Tenha confiança na sua decisão e não desanime com tantos questionamentos, apenas siga viajando normalmente (como deveria ser).

VOCÊ VAI OUVIR MAIS OPINIÕES DO QUE O NORMAL
Basta você ser mulher e dizer que vai viajar sozinha para tal lugar, que este tal lugar automaticamente se torna o lugar mais perigoso do mundo, o de mais difícil acesso, o pior lugar para uma mulher ir sozinha. Bom, pelo menos é isso que as pessoas (que normalmente nunca estiveram lá) começam a dizer. É claro que muitas pessoas estão realmente preocupadas, mas parece que quando estamos nessa situação, as pessoas se acham no direito de opinar o máximo possível sobre os nossos planos de viagem, mesmo sem ter muito conhecimento na maioria das vezes e sempre fazem questionamentos excessivos. O problema é que quase todos os comentários e opiniões que ouvimos sem pedir não ajudam nem acrescentam em nada. Quem se preocupa de verdade, certamente não vai ficar assustando você com histórias e relatos de casos isolados com finais trágicos. A melhor opção? Filtrar todos os comentários que recebemos e absorver apenas os que fazem realmente sentido.

CUSTA MAIS CARO E PODE SER INACESSÍVEL
Reservar um quarto de hotel individual pode custar o mesmo valor do que reservar um quarto duplo. Alguns passeios e tours estão apenas disponíveis para, no mínimo, duas pessoas. Em certos países, mulheres não podem entrar sozinhas em determinados lugares. Alguns restaurantes se recusam a oferecer uma mesa para apenas uma pessoa ou então oferecem pratos com porção para duas pessoas. Alguns serviços e até táxis cobram mais por verem uma mulher viajando sozinha. Ainda bem que nem sempre é assim, mas em muitos lugares ainda é e as opções acabam ficando bem limitadas. Uma boa pesquisa antes da viagem ajuda bastante a evitar algumas destas situações.

AS PREOCUPAÇÕES AUMENTAM
Uma mulher viajando sozinha chama muita atenção das pessoas, por isso é preciso ter muito mais cuidado em tudo: no planejamento, na escolha do destino, ao andar na rua, a falar com alguém estranho, ao entrar num táxi ou num ônibus… A nossa atenção precisa ficar redobrada e precisamos ser mais conscientes de todas as nossas decisões durante a viagem do que se estivéssemos viajando acompanhadas. Às vezes, isso torna a viagem um pouco mais cansativa do que o normal, mas é sempre gratificante voltar pra casa e saber que conseguimos.

É UM GRANDE APRENDIZADO E PODE SER A MELHOR EXPERIÊNCIA DA SUA VIDA
Infelizmente ainda vivemos numa sociedade que nem sempre vê uma mulher sozinha com bons olhos, mas viajar sozinha é sempre um grande aprendizado. É uma lição diária de responsabilidade, cuidado, compreensão, amor próprio e muitas descobertas. Às vezes é complicado ter que se explicar o tempo todo, ouvir comentários desagradáveis e lidar com a solidão e a insegurança de algumas situações, mas no final, sempre vale o esforço e o que aprendemos acaba sendo refletido de forma positiva na nossa vida, mesmo depois da viagem. Uma viagem solo muitas vezes pode acabar sendo a melhor viagem da nossa vida!

VOCÊ NÃO ESTÁ COMPLETAMENTE SOZINHA
Escolher fazer uma viagem sozinha é maravilhoso, mas saiba que se por algum momento durante a viagem isso deixar de ser algo bom para você, tá tudo bem. Saiba que inúmeros viajantes estão pelo mundo sozinhas e sozinhos também, procurando por uma companhia nem que seja para conversar e tomar um café. Viajar sozinha também é a oportunidade ideal para conhecer pessoas novas que você provavelmente não teria conhecido se estivesse acompanhada. Além de ter a opção de ter uma companhia em algum momento da viagem, ver outras mulheres (e homens também) na mesma situação que você, é sempre algo motivador a seguir viagem.

(Em fevereiro, escrevi um texto para o M pelo Mundo sobre o medo de viajar sozinha, leia aqui)

Anúncios

7 comentários sobre “O que esperar se você é mulher e viaja sozinha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s