Os spas medicinais da República Tcheca

Entre todas as tradições da República Tcheca, os spas medicinais ocupam um lugar de grande importância já há alguns séculos por aqui. Segundo registros históricos, as primeiras águas termais no país foram descobertas pelo rei Carlos IV, que estava com o pé machucado e resolveu banhá-lo nas águas. Com as feridas curadas alguns dias depois, ele então acreditou que estas águas tinham propriedades curativas e ordenou que uma cidade fosse construída ao redor da nascente. Foi assim então que foi construída a cidade de Karlovy Vary, muito conhecida e turística hoje em dia.

Este fato ocorreu no século XIV e desde então, Karlovy Vary é considerada a principal cidade de spas medicinais na República Tcheca e uma das cidades mais visitadas do país. No entanto, há outras cidades do país que também são de grande importância nesse quesito e também oferecem os tratamentos, como Mariánské Lázně, Františkovy Lázně, Poděbrady, Teplice, Luhačovice e Trebon.

IMAG4302

Durante muitos anos, os tratamentos de saúde nestes spas e balneários eram extremamente intensos e longos, sendo necessário que a pessoa doente permancesse durante horas seguidas dentro de uma banheira cheia das águas termais e repetir o tratamento durante um longo período de tempo. Hoje em dia os tramentos são bem diferentes e não costumam durar mais de uma hora por dia. No caso de tratamento na banheira, é normalmente utilizada a água depois de fria. Apesar das diferenças no tratamento, as águas destas nascentes ainda são consideradas como águas com propriedades curativas e há uma variedade enorme de hoteis, clínicas e resorts que oferecem os tratamentos.

Além destes tratamentos específicos na banheira e com massagens especializadas, é também possível apenas beber a água que sai destas nascentes. Depois dos tratamentos alcançarem uma grande popularidade no país, um físico tcheco ainda no século XIV comprovou que além de tratar problemas de pele com o uso externo, ingerir estas águas traria benefícios e cura para alguns problemas de metabolismo e de digestão. Espalhadas pelas cidades, há torneiras com água direto da fonte (normalmente numa temperatura bem quente) e é possível beber destas águas gratuitamente. O sabor varia em cada fonte, mas o gosto é sempre forte e nem sempre muito agradável – pelo menos no primeiro gole. No entanto, para realmente ter um efeito curativo, estima-se que é necessário beber aproximadamente 1 litro destas águas por dia.

IMAG4296
Uma torneira de água termal com a temperatura da água especificada: 64ºC. A foto foi tirada em Karlovy Vary.

Uma visita aos spas medicinais também é recomendada para quem quer apenas descansar e relaxar, mesmo que não precise de nenhum tratamento de saúde específico. Os médicos na República Tcheca podem sim prescrever alguns dias de tratamento em algum spa destas cidades e também podem prescrever algum tratamento específico para cada paciente, que deve seguir à risca os horários de beber as águas, as quantidades, os banhos… como qualquer outro tratamento de saúde. Os efeitos e benefícios destes tratamentos duram por muitos meses e por isso o recomendado é que as pessoas voltem regularmente ao spa para dar continuidade ao tratamento. E ah, os tratamentos prescritos pelos médicos são pagos pelo sistema de saúde tcheco, ou seja, é um tratamento reconhecido pela sua eficácia e resultado.

Até hoje em dia, muitas pessoas – tchecos e estrangeiros – ainda buscam este tipo de tratamento sempre quando ele for eficiente para determinados problemas de saúde. Ao caminhar por qualquer uma destas cidades, você irá encontrar diversas lojas que vendem uma espécie de caneca, que é a tradicionalmente utilizada para beber a água direto da fonte. É claro que qualquer copo, caneca ou garrafa serve, mas estes são os tradicionais, normalmente feitos de cerâmica (outra especialidade tcheca) e com um formato bem peculiar: uma pequena abertura que ajuda a manter a temperatura da água e um canudo já embutido na própria caneca. É muito comum ver as pessoas andando pelas ruas destas cidades bebendo água e sempre parando em alguma fonte para pegar mais pelo caminho.

IMAG4306

Para quem tem vontade de visitar alguma destas cidades e conhecer os spas medicinais da República Tcheca, há diversas opções acessíveis para fazer este passeio. Karlovy Vary, por exemplo, é uma cidade muito turística, não apenas pelos spas mas também por ser uma cidade histórica muito bonita. Por isso, há diversos ônibus, trens e tours saindo diariamente de Praga e é possível ir apenas para passar o dia e conhecer o local, caso não tenha a disponibilidade de passar mais tempo e desfrutar de um tratamento com as águas termais.

Ter alguns dias para descansar, relaxar e conhecer um pouco mais dessa tradição tão importante na República Tcheca é uma ótima opção para fazer um passeio não tão turístico, mas de grande importância cultural e que pode até trazer benefícios para a nossa saúde. Além dos incríveis spas medicinais, estas cidades também são muito bonitas, cercadas de natureza e com uma atmosfera muito mais tranquila e calma do que Praga, o que proporciona uma experiência bem diferente e relaxante para quem faz uma visita a estes locais. Bom descanso!

A versão original deste texto foi publicada no site Brasileiras pelo Mundo

Anúncios

2 comentários sobre “Os spas medicinais da República Tcheca

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s